IRA! | POBRE PAULISTA

Todos os não se agitam,
Toda a adolescência acata,
E minha mente gira,
E toda ilusão se acaba!
Dentro de mim sai um monstro,
Não é o bem nem o mal,
É apenas indiferença,
É apenas ódio mortal.
Não quero ver mais essa gente feia,
Nem quero ver mais os ignorantes,
Eu quero ver gente da minha terra,
Eu quero ver gente do meu sangue.
Pobre São Paulo!
Pobre Paulista!

Eu sei que vivo em louca utopia,
Mas tudo vai cair na realidade,
Pois sinto que as coisas vão surgindo,
É só um tempo pra se rebelar!



.
.
.
.




     



.


Fábio Wlademir RS
Fábio Wlademir RS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário